Blog Olimpio

Fique por dentro de notícias, novidades e curiosidades do mundo da tecnologia, negócios e variedades.



Tudo para fazer seu negócio crescer ainda mais!

NF-e – A partir de julho de 2016 novos campos serão validados pelo programa

A partir de 1º de julho de 2016 o programa da NF-e vai validar o campo do Código de origem da mercadoria com o campo da alíquota aplicada à operação.

Serão rejeitados os arquivos da NF-e que apresentarem inconsistências entre a alíquota aplicada à operação e o Código de origem da mercadoria.

A seguir alíquotas de ICMS aplicáveis às operações interestaduais e seus respectivos Códigos de origem das mercadorias:

 

Operação interestadual – Alíquota de 4%

Operação interestadual – Alíquota de 7% e 12%

Com as novas regras de validação, será rejeitado o arquivo da NF-e que tiver alíquota interestadual de ICMS incompatível com o Código de origem da mercadoria.

Estas regras de validação dos arquivos da NF-e constam da NT 2015.003 (Versão 1.80) e serão aplicadas a partir de 1º de julho de 2016.

A seguir exemplos de arquivos válidos e rejeitados.

Quando se tratar de operação interestadual com mercadorias estrangeiras, a alíquota do ICMS será de 4% e se a mercadoria for nacional será de 7% ou 12% (observadas às exceções).

Para evitar rejeição do arquivo da NF-e é necessário analisar e sanear possíveis inconsistências existentes nos parâmetros até 30 de junho.

 

Fonte: Siga o Fisco
Link: http://sigaofisco.blogspot.com.br/2016/06/nf-e-partir-de-julho-de-2016-novos.html

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Posts Recentes:

3 dicas para controlar melhor seu estoque

Para alguns negócios, os processos de estocagem são essenciais! E por consequência é muito importante ter maturidade estratégica sobre o estoque para evitar prejuízos, como por exemplo, baixo giro e ruptura de estoque, falta de organização, falta de ciência sobre o valor do patrimônio, além de

LUCRATIVIDADE E AGILIDADE! 4 áreas que impactamos nas empresas.

No que tange ERP, uma grande questão a ser respondida é sobre as vantagens que as empresas vão receber com o uso da solução. Buscando demonstrar o que causamos de resultados nas empresas, selecionamos 4 áreas que potencializamos e que influenciam nos resultados. 1 –